Banne 01

Governo Lula cancela repasse de R$ 30,9 milhões para obras do Canal Acauã-Araçagi

Por Eduardo Rabêllo em 18/10/2023 às 10:01:56

Não apenas em obras priorit√°rias para a Paraíba, como o Hospital de Trauma do Sertão e o Arco Metropolitano de João Pessoa, a "canetada" do governo federal também atingiu também o Sistema Adutor das Vertentes Litor√Ęneas da Paraíba Canal Acauã-Araçagi, mais conhecido como Canal Vertentes Litor√Ęneas.

O Ministério do Planejamento e Orçamento cancelou o repasse de R$ 30,9 milhões que seriam destinados para continuidade da obra. A decisão foi publicada no Di√°rio Oficial da União da última sexta-feira (13).

A medida foi tomada pelo governo Lula mesmo após o ministro da Integração e Desenvolvimento Regional, Waldez Góes, em passagem pela Paraíba, em agosto, ter assegurado todo o recurso necess√°rio para a conclusão do Sistema, que deve trazer conforto hídrico a população de 39 cidades paraibanas.

Na época, Waldez disse que a obra foi incluída no novo Plano de Aceleração do Crescimento, com mais de R$ 400 milhões em investimentos, e j√° teria recursos disponíveis, "basta o governador João Azev√™do solicitar".

Ritmo lento

Concebida em 2004, a obra foi iniciada em 2011, passa por quatro governos federais – Dilma, Temer, Bolsonaro e agora Lula -, e est√° longe de ser concluída. Por sua dimensão, foi dividida em tr√™s lotes:


Lote 1 – foi entregue agora em maio do ano passado, mais de uma década depois


Lote 2 – havia previsão de entrega em dezembro do ano passado, mas ainda não foi concluída


Lote 3 – ainda não foi realizado o processo de licitação.


Hoje, João Azev√™do disse que ele j√° est√° com mais de 75% das obras concluídas e a nova expectativa é de que ela seja concluída em dezembro deste ano.

O lote 1, ao menos, j√° vai começar a operação a partir de agora, com acionamento das v√°lvulas dispersoras (equipamento que controla a vazão de √°gua). Os primeiros testes foram feitos em janeiro de 2011. O canal beneficia, nesta primeira etapa, 15 municípios, ao longo de 44,9 quilômetros — a vazão é de 10 m¬≥/segundo.


A √°gua, explicou, dever√° ser utilizada para a produção agrícola familiar, com prioridade ao assentados do Incra. "O trajeto foi pensado para passar no maior número de assentamentos do Incra e ele passa por seis. Além disso é uma região que tem uma característica de pequena propriedades e isso faz com que a √°gua atenda mais pessoas", comentou o governador.


Canal Acauã-Araçagi

O projeto do Sistema Adutor das Vertentes Litor√Ęneas da Paraíba Canal Acauã-Araçagi compreende 17 segmentos de canais abertos com seção trapezoidal, totalizando 130,44 km, intercalados por cinco trechos de sifões invertidos, construídos em tubos de aço, para ultrapassar vales de rios e córregos, sete aquedutos, galerias para travessias de ferrovia e rodovia.


O sistema foi projetado para trabalhar totalmente por gravidade e transportar vazões que variam de 10 m¬≥/s no trecho inicial a 2,5 m¬≥/s no trecho final.


A obra visa o atendimento e abastecimento de √°gua pot√°vel para 38 municípios da região, em car√°ter regular e contínuo e, durante o período seco, o suprimento de √°gua, permitindo o atendimento de uma √°rea de aproximadamente 16 mil hectares de terras irrigadas, desde o Açude Acauã até o Rio Camaratuba, beneficiando mais de 600 mil habitantes.


A obra vai garantir a sustentabilidade hídrica das seguintes bacias litor√Ęneas: Bacia do Rio Paraíba, Bacia do Rio Gurinhém (afluente do Rio Paraíba), Bacia do Rio Miriri, Bacia do Rio São Salvador, Bacia do Rio Mamanguape, Bacia do Rio Araçagi, Bacia do Rio Camaratuba.


Os 38 municípios a serem atendidos pelo sistema são: Alagoinha, Araçagi, Belém, Caiçara, Caldas Brandão, Campo de Santana, Capim, Cruz do Espírito Santo, Curral de Cima, Cuité de Mamanguape, Cuitegi, Ing√°, Duas Estradas, Guarabira, Gurinhém, Itabaiana, Itapororoca, Itatuba, Jacaraú, Juripiranga, Logradouro, Mamanguape, Mari, Mogeiro, Mulungu, Pedras de Fogo, Pedro Régis, Pilar, Pirpirituba, Riachão do Poço, Salgado de São Félix, Santa Rita, São José dos Ramos, São Miguel de Taipu, Sapé, Serra Raiz, Sertãozinho e Sobrado.


jornaldaparaiba.com.br

Comunicar erro
Banne 02

Coment√°rios

Banne 03