Banne 01

Francisca Motta protesta contra demissão de mĂ©dica do Hospital do Bem, em Patos

ReferĂȘncia em oncologia no Sertão, desde a sua inauguração, em 2018, Dra. Nayara Xavier estava à frente da unidade, realizando um trabalho humanizado e eficiente

Por Eduardo Rabêllo em 14/05/2024 às 12:43:00
Foto: Assessoria

Foto: Assessoria

Na tribuna da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), a deputada estadual Francisca Motta (Republicanos) protestou na manhã desta terça-feira (14), contra a demissão da médica oncologista Nayara Xavier, do Hospital do Bem, em Patos.

ReferĂȘncia em oncologia no Sertão, desde a sua inauguração, em 2018, Dra. Nayara Xavier estava à frente da unidade, realizando um trabalho humanizado e eficiente.

"Eu sempre venho a esta tribuna, com muito prazer, falar sobre o crescimento e o avanço da saúde de Patos, mas, hoje, infelizmente, trago essa triste notícia da demissão da médica oncologista, do Hospital do Bem. Fui cobrada por Patos, fui cobrada pelo Sertão para que essa injustiça seja desfeita, jĂĄ que desde a inauguração do hospital, Dra. Nayara estava à frente da unidade", contestou Francisca.

Segundo a parlamentar, a identificação dos pacientes e da população com a médica gerou revolta e tristeza. "Podemos dizer que Dra. Nayara humanizou até de forma exagerada, abriu o seu coração para o povo, que em uma hora tão sofrida precisa de amor. Patos estĂĄ triste, estĂĄ cobrando, estĂĄ chorando, pedindo a volta da Dra. Nayara. Eu não tomei conhecimento, o deputado Hugo Motta não tomou conhecimento, o prefeito Nabor também não, sobre as razões desta demissão", antecipou Francisca.

A deputada confirmou que vai lutar pelo que é justo, e para que a médica volte a atuar no Hospital do Bem. "O que todo mundo fala é que não foi um ato do secretĂĄrio de Saúde, e sim de uma empresa. Trago a minha solidariedade a Dra. Nayara, ao povo de Patos, a associação "Amigas Viva a Vida", porque essa médica representa o ombro amigo, presente nos piores momentos dos milhares de pacientes que precisam do Hospital do Bem, em Patos", reiterou Francisca Motta.


Assessoria

Comunicar erro
Banne 02

ComentĂĄrios

Banne 03